quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Os Imortais estão correndo sérios riscos!

Mesmo sem livros publicados, Collor foi eleito para a Academia Alagoana de Letras! Sem nenhum livro no currículo, o senador Fernando Collor de Melo (PTB-AL) foi eleito o novo imortal da Academia Alagoana de Letras (AAL). O ex-presidente apareceu como candidato único à cadeira 20, que tinha como patrono Augusto de Oliveira. A vaga era ocupada pelo então presidente da AAL, Ib Gatto Falcão, que morreu em dezembro de 2008. Aos 50 anos e natural do Rio de Janeiro, Collor se candidatou à vaga apostando no argumento de que pretende escrever um livro - onde deve contar detalhes sobre o impeachment que sofreu em 1992.
***
Não é a primeira vez que ele ganha uma eleição só com promessas. A gente pode dizer que desta vez a vaga caiu no Collor, pois nem Mãe Dinah conseguiu a proeza de entrar numa academia por uma obra futura que fala do passado. O dono da cadeira era o Gatto, mas ele bateu as botas e agora os velhinhos daquela academia vão ter que engolir e digerir o chá das cinco, queiram ou não queiram.

3 comentários:

paulo vinicius PV disse...

A academia allagoana de lletras, assim, minuscula mesmo, apenas comprova o que o dito popular ja consagrou:ERRAR UMA VEZ EH HUMANO, MAS ERRAR DUAS EH ALAGOANO. Eita povinho...

piancó disse...

( )

piancó disse...

Você viu acima o meu comentário sobre a obra literária de Collor. Este foi o único comentário que achei para criticar uma OBRA que não existe.